Blog Bugginho Academy

Qual a melhor linguagem de programação?

Warning: “Esse texto foi inicialmente publicado na página do Bugginho Developer no Facebook em 25 de julho de 2016 e contém um pouco de humor e sarcasmo, então, se você não curte esse tipo de coisa, não o leia”.

Acredito que todos aqui já ouviram, leram ou até mesmo fizeram a pergunta: “Mas afinal, qual a melhor linguagem de programação? Aquela utilizada pelos deuses nórdicos, a mais rápida do mundo, aquela que quando eu aprender vou ficar milionário, etc.”

Certamente muitos responderão que a melhor linguagem de programação é a C, outros dirão que é a C++, outro dirão que é a Java, outros dirão que é a Haskell, etc…

Mas a questão é: “Pra que porra você quer a melhor linguagem do mundo?”. Vai jogar no chão? Vai enfiar no cú? Então bota a porra da bandolera.

Existem milhares de possibilidades quando vamos desenvolver um software.

O sitezinho da padaria do seu bairro que tem um formulário onde você pode fazer sugestões ou reclamações, é um software.

O sistema de controle de estoque que a mercearia do João usa, também é um software.

O ERP monstruoso que muitos grupos varejistas usam, também é um software.

Os programas (incluindo firmwares) que gerenciam máquinas de Tomografia computadorizada, Eletroencefalograma, Ultrassonografia, Monitor Fetal, etc… também são softwares.

Fora trocentos outros exemplos que poderiam ser dados, dentro de diversas áreas como: Aeronáutica, Naval, Agricultura, Bélica, Telecomunicações, etc…

Sim, Bugginho, mas o que isso tudo tem a ver?

Simples. Chega a ser idiota pensar que uma única linguagem de programação se sairia bem em todos os possíveis cenários.

Sim, Bugginho, mas eu trabalho com web, eu não quero saber das outras áreas, eu quero saber qual a melhor linguagem para desenvolver para web.

A resposta sempre será: “Depende”. Depende do que você visa construir. Como eu vou dizer se é melhor usar uma faca, machado ou tesoura para cortar algo, se eu não sei o que eu vou cortar?

Existem diversos cenários onde a melhor solução será sim o Java. Existem outros em que a melhor solução será o PHP, existem outros que será necessário usar C ou C++ ou Python ou C#, etc…

Vamos criar uma situação hipotética.

Seu chefe pede para que você construa um blog para a filha dele. A menina tem 15 anos e quer fazer do blog um diário, que será acessado apenas pelas suas amigas.

Você usaria Java num servidor dedicado com banco Oracle para construir esse blog, ou usaria um CMS pronto como por exemplo o WordPress?

Ah Bugginho, mas meu professor disse que para software grandes é melhor usar Java e Oracle.

Sinto em dizer, mas seu professor é um corno, fã boy da Oracle.

Existem grandes projetos escritos nas mais diversas linguagens. Se você procurar, encontrará facilmente diversos projetos grandes em C#, em PHP, em Python, em Ruby, etc. E outra, não podemos esquecer que podemos usar mais de uma tecnologia no mesmo projeto. Eu posso usar PHP junto com Node.js e Java por exemplo.

Ou seja, para softwares grandes você não precisa do Java, o que você precisa é de bons profissionais em sua equipe, assim, ao analisar o projeto eles saberão se será melhor usar Java, C#, C++, etc…

Vá se lascar Bugginho, eu quero saber qual a linguagem mais rápida.

Você vai programar ou apostar corrida, misera? Existem softwares sim que precisam de um desempenho extremo, mas a maioria dos softwares que muitos de nós construímos são utilizados por poucos usuários, e não usam nem 30% dos recursos do servidor, logo, não fará a menor diferença se você escrever (bem) em C#, Java, PHP, Python, Ruby, etc. Até porque a diferença de desempenho fica na casa do milésimo ou centésimo de segundo.

Bugginho, você está desinformado. Eu ouvi dizer que o Ruby é muito lento, que o Twitter parou de usar ele e migrou para o Java.

E você vai construir um Twitter? Seu fí do satanás… O Twitter tem 350 mil Tweets por minuto, enquanto a maioria dos seus sistemas terá 350 mil requests por século.

Entendi Bugginho, então você está dizendo para a gente não se preocupar com linguagem porque nunca desenvolveremos nada grande?

Não, misera. O que eu estou dizendo é que quando você está aprendendo, isso não deve ser uma preocupação. Fora que estudar uma linguagem não é igual a casamento, porra. Você pode mudar para outra linguagem a qualquer momento e se você estudou direitinho, muito do que aprendeu será aproveitado.

E por falar em estudar, tome muito cuidado com as fontes que você usa para colher informação. Principalmente se você está estudando PHP.

Iiiiiiihhhhh, já começou com a viadagem de falar mal do PHP

Não, eu não estou falando mal do PHP, estou falando mal de muitas fontes que tem por ai. PHP é uma linguagem muito popular, e além de ser popular é uma linguagem muito fácil de aprender e pouco burocrática, então, é muito comum o cara estudar 1 semana e já saber fazer algumas coisas que em outras linguagens demoraria muito mais tempo.

O grande problema é que esse cara que pulou etapas e aprendeu a fazer um CRUD antes de estudar lógica, algoritmo, estrutura de dados, etc… Já se alto intitula “Professor fulano” e começa a lançar vídeos no youtube, escrever em blogs, etc…

Ai você desavisado, vai lá, consome esse conteúdo e aprende da maneira menos aconselhável.

Sim, Bugginho, mas isso é um privilégio do PHP?

Não, isso ocorre com todas as linguagens, mas com o PHP é muito mais frequente.

Então, mesmo que você não goste de Java, não goste de C#, não goste de C++, aconselho dar uma estudada básica nessas linguagens, porque muitos dos conteúdos bons disponíveis na internet são escritos nessas linguagens.

Olha o Jabá de graça

A Caelum tem ótimos cursos e se você estiver apertado financeiramente, eles disponibilizam também as apostilas utilizadas no curso, de maneira inteiramente gratuita em seu site, vale a pena conferir porque são materiais muito bons.

https://www.caelum.com.br/apostilas/

A Novatec também tem ótimos livros dos mais variados temas: “Bancos de dados”, “Programação Mobile”, “Programação Web”, “Segurança de aplicações”, etc… E eles nos cederam um cupom de desconto que vale até 31/12/2016 (Agora atualizado até 31/12/2017), que dá 20% de desconto na compra de qualquer material no site deles. Use “BUG20” nas suas compras para ter direito ao desconto.

http://novatec.com.br/

A Casa do Código também tem diversos livros muito bacanas, infelizmente não tenho cupom de desconto deles, mas os livros geralmente têm um preço padronizado, ou seja, se você comprar um livro de Java, C# ou Ruby, o preço será o mesmo.

https://www.casadocodigo.com.br/

Um conselho (Que já é meio clichê) que eu dou é: Não procure a melhor linguagem. Procure ser o melhor profissional, assim, linguagem será apenas uma ferramenta. Não estude apenas a linguagem, estude metodologias, vá a eventos, interaja em grupos, mantenha-se sempre a par das novidades do mercado.

Obrigado por ter lido, espero que esse texto seja de alguma forma útil para você. Muitos não leem nada, ficam postando “Nem li, nem lerei”, “Vou esperar sair o filme”, etc… São esses, que vivem de tutorial do Youtube que nunca aprendem nada e acham que tudo é difícil.

Valeu amiguinho!!!

Bugginho Developer

5 comentários

Your Header Sidebar area is currently empty. Hurry up and add some widgets.